Caiado participa das celebrações dos 295 anos da cidade de Goiás



Além da comemoração na Praça do Coreto, o chefe do Executivo estadual acompanhou a instalação simbólica da Defensoria Pública, Ministério Público, Tribunal de Justiça e OAB


Fotos: Lucas Diener e Júnior Guimarães.

Descrita pelo governador Ronaldo Caiado como a "mãe de todas as cidades goianas", a cidade de Goiás completa nesta segunda-feira (25/07) 295 anos de sua fundação. A data, que também marca a transferência simbólica da capital do Estado para o município, foi comemorada em festa com música, bolo e parabéns, em uma solenidade prestigiada por autoridades e população em geral, na Praça do Coreto, no Centro.

"Essa cidade é especial, tem luminosidade própria e o carinho de todas as outras em Goiás", disse o governador, acompanhado da presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais do Estado (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado.

A mudança temporária da capital para Goiás não foi realizada nos últimos dois anos em função da pandemia de Covid-19. O retorno do evento foi celebrado pela população e pelas autoridades do município. "Para nós, é muito gratificante e honroso estarmos hoje na capital do Estado", disse o prefeito da cidade, Aderson Gouvea.

Além da comemoração na Praça do Coreto, o chefe do Executivo estadual acompanhou a instalação simbólica de poderes, órgãos e unidades do Governo de Goiás no município. Ele conheceu a estrutura do Fórum e seguiu para a Casa de Fundição, onde foi instalada a sede do Ministério Público. O procurador-geral de Justiça de Goiás, Aylton Vechi, comemorou a casa cheia e disse que a instituição está sempre de portas abertas para receber a todos. "Isso significa respeito à autonomia e independência dos órgãos e poderes", ressaltou Vechi.

A Defensoria Pública do Estado (DPE) também foi simbolicamente instalada na cidade de Goiás, levando ao município as Vans dos Direitos, com atendimento gratuito à população, sem necessidade de agendamento. Entre os serviços disponíveis: reconhecimento de paternidade ou maternidade, divórcio, dissolução de união estável, pensão alimentícia e segunda via de Certidão de Nascimento, casamento ou óbito.

Também foi assinado um termo de cooperação técnica, entre o Governo de Goiás e a DPE, que amplia o atendimento de assistência jurídica integral e gratuita a adolescentes e jovens que cumprem medidas socioeducativas no município goiano de Luziânia.

"Como gestores públicos, tenhamos a meta de tocar o coração das pessoas", disse o defensor público-geral do Estado, Domilson Rabelo. Para o desembargador Luiz Carlos Vieira Braga, o Poder Judiciário vela pelo cidadão. "Isso só é possível porque temos o atendimento, a solidariedade e as mãos estendidas do Estado e de todos que compõem o sistema de justiça".

Ronaldo Caiado participou ainda da instalação da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Goiás, na sede da entidade no município. "Pela primeira vez, em um gesto de engrandecer ainda mais esse momento, temos a presença da OAB", ressaltou o governador. O presidente da entidade, Rafael Lara, lembrou que a cidade de Goiás, em 1931, sediou sua primeira diretoria, que foi transferida para Goiânia, em 1937, com a transferência da Capital. "Mas 85 anos depois, estamos de volta a Goiás e estaremos aqui nos anos seguintes. É um compromisso com nossa história", reforçou

Acompanharam as agendas em Goiás para instalação dos poderes a vice-prefeita, Zilda Lôbo; o deputado estadual Amauri Ribeiro; o deputado federal Lucas Vergílio; o presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, Joaquim de Castro; o desembargador Anderson Máximo; a procuradora de Justiça, Yara Alves e Silva; o subdefensor público-geral do Estado, Tiago Gregório; o prefeito de Acreúna, Claudiomar Portugal; o presidente da Casa de Assistência dos Advogados de Goiás (Casag), Jacó Coelho;  o vice-presidente da OAB, Thales Jayme; e a procuradora-geral do Estado, Juliana Prudente.
Compartilhar

Por: Paulo Melo

"Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida." (Bob Marley)

0 comentários:

Postar um comentário